5 Hábitos simples para ter uma vida mais sustentável


Em certo nível, acredito que todas as pessoas têm um senso de proteção do meio ambiente (afinal, nossas vidas dependem dele). O que acontece, no entanto, é que com tantas outras prioridades e objetivos no caminho às vezes tentamos "burlar o sistema" e deixar o nosso planeta de lado. Agora imagine bilhões de pessoas fazendo isso ao mesmo tempo em diferentes níveis - dá até arrepio de pensar no perigo em que estamos nos metendo.  

Mesmo que nem todo mundo consiga ajudar o meio ambiente na proporção que gostaria, existem alguns hábitos simples que, em conjunto, podem desacelerar significativamente o esgotamento dos nossos recursos. Neste Dia da Natureza trazemos, portanto, 5 hábitos simples para ter uma vida mais sustentável: 

1. Reduza o consumo de carne

A indústria de produção de carne não só financia maus-tratos aos animais, mas também consome água, desmata terras, emite gases e produz soja em proporções impensáveis. 

Pra deixar um impacto positivo nesse sentido nem precisa virar vegano ou vegetariano de uma vez só. Cortar alguns tipos de carne gradativamente ou aderir a movimentos como o Segunda Sem Carne já ajuda e muito. Pra ter uma ideia, o infográfico abaixo mostra os resultados do movimento só no estado de São Paulo em 2017: 

Resultado de imagem para segunda sem carneFonte: SVB

2. Reduza o consumo de plástico

É comum a gente ir no mercado, comprar o que precisa e voltar pra casa cheios de sacolinhas sem nem prestar atenção nas embalagens dos produtos que compramos. 

Enquanto é difícil (ou quase impossível) evitar a compra de alguns produtos, outros são completamente viáveis: em vez de comprar as frutas cortadas em uma embalagem plástica, pode comprá-las inteiras e simplesmente cortar com uma faca.

Ainda falando de frutas, pra que servem aqueles saquinhos da seção de hortifruti, mesmo? Além de uma atendente de caixa potencialmente brava por ter que pegar um por um, colocar suas frutas e vegetais no próprio carrinho não vai fazer mal algum. 

São muitas as marcas e linhas de produtos que abusam do plástico na hora de embalar. Por isso, preste atenção no que você está consumindo e opte por outras marcas ou outros tipos de embalagem quando for possível e necessário. 

Na hora de levar os produtos pra casa lembre das bolsas ecológicas ou até mesmo das caixas de papelão que os próprios supermercados disponibilizam. Assim você evita levar material desnecessário para casa e ainda deixa de jogar mais plástico no lixo. 

3. Reduza o consumo de modo geral

Não sei vocês, mas eu já me peguei comprando ou querendo comprar muita coisa que eu tenho absoluta certeza que não seria necessária em nenhum momento da minha vida. Isso vai desde alimentos a roupas, livros e aparelhos eletrônicos. 

Hoje na minha casa tenho armários lotados de coisas inúteis que comprei na minha fase não tão consciente durante a adolescência. Sei que ainda tenho um longo caminho pela frente, mas hoje já penso duas, três ou cinquenta vezes antes de comprar qualquer coisa que eu saiba que vai parar no lixo de alguém e penso muito bem antes de descartar o que sobrou. 

Buscar outras fontes e maneiras de consumo também pode ajudar a deixar um impacto menor no meio ambiente: você pode escolher marcas sustentáveis, comprar em lojas de produtos usados ou consumir em formatos diferentes - em vez de comprar um livro físico, por exemplo, pode baixar a versão digital.

4. Pense na sua locomoção

Independente do lugar que você queira ir existe uma maneira coletiva de chegar até lá. Usando transporte público, aplicativos de carona, dividindo o trajeto com algum amigo, indo a pé ou de bicicleta você consegue dividir ou levar a zero a responsabilidade pela emissão de gases na atmosfera. 

Confesso que ainda estou muito longe de aderir completamente a esse hábito *espirrando água na minha própria cara com um borrifador*, mas além de evitar a emissão de gases durante seu percurso ele ainda te ajuda a economizar dinheiro. 

5. Repense todos seus processos

Existem algumas coisas que a gente faz de forma meio que automática como imprimir milhões de folhas quando não precisa, distribuir convites físicos para eventos como aniversários e casamentos, comprar copos descartáveis para ocasiões festivas ou dar presentes embrulhados em camadas e mais camadas de plástico. 

Pra começar a ter uma vida mais sustentável é importante parar pra pensar sobre e analisar absolutamente tudo que fazemos e nos questionar os porquês. É provável que nesse caminho a gente descubra ainda mais coisas simples que poderíamos estar fazendo há muito tempo pela nossa saúde e a do nosso planeta. 

Além disso...

Quando puder, fale sobre sustentabilidade. Compartilhe materiais informativos, mostre aos seus amigos e a pessoas próximas novas formas de consumir que muitas vezes não tinha nem passado pela cabeça delas. 

A verdade é que salvar o mundo é uma questão de consciência e responsabilidade coletiva: temos que mudar nossos hábitos não só por nós mesmos, mas também por todos aqueles que vieram antes de nós, pelos que vivem ao nosso lado e pelos que ainda virão se a gente ajudar a abrir o caminho. 

Com amor,
Re

2 comentários


  • enaya

    amei o post S2


  • TAY

    Com pequenos gestos a gente pode salvar o planeta ❤️❤️


Deixe um comentário